4º Mito – O Carro Elétrico é Apenas Mais um Tipo de Carro

O carro elétrico, nomeadamente o movido a baterias de lítio, é transformacional

Será o Carro Elétrico Apenas Mais um Tipo de Carro?

Carro Elétrico
Viajar em open-road pode ser mágico, incluindo com um carro elétrico

Vamos por partes, os atuais carros geram energia através de uma reação química, a combustão, entre a gasolina ou Diesel e o ar (oxigénio). O carro depende, por isso, do armazenamento de energia química. E o combustível tem de ser transportado desde a sua origem (o poço de petróleo) até ao tanque do carro.

Num carro elétrico movido a bateria de lítio, a energia é armazenada de forma física. Não há reações químicas neste processo. Não há necessidade de transporte de moléculas de combustível do ponto A para o ponto B. A energia elétrica propaga-se milhares de quilómetros de forma quase instantânea.

É por isso que o carro elétrico vai ser tão transformacional. Poderemos ter novos centros urbanos, industriais e logísticos mais rapidamente. No interior de Portugal existe uma relação entre a densidade populacional e uma bomba de combustível. A partir de agora aumentaremos toda a flexibilidade da mobilidade.

E com a autoprodução solar, este fenómeno apenas está a acelerar. Com a possibilidade de armazenamento em baterias e geração solar, todo um novo mundo se irá abrir. O transporte de matérias perigosas, o combustível, irá ser fortemente reduzido, bem como a dependência desse mesmo transporte.

O carro elétrico vai provocar um mudança profunda na sociedade. Não só o carro elétrico mas toda a mobilidade elétrica. Vamos ficar mais humanos, mais ligados novamente com a natureza, e paradoxalmente ainda mais móveis, porque ficamos apenas dependentes daquilo que afinal é também a razão da nossa existência, o Sol.