3º Mito – O Carro Elétrico já não é para Mim

Ouvimos este argumento especialmente de pessoas mais idosas. Receiam o carro elétrico, pelo que desconhecem, pelo medo de ser uma coisa mais complexa. De sentirem a mesma complexidade do que sentiram quando apareceram os smartphones.

3º Mito – O Carro Elétrico já não é para Mim

Felizmente, Neste Caso, o Carro Elétrico é Perfeito para os Mais Idosos

O perfil de mobilidade dos mais idosos é muitas vezes mais local e menos de viagens longas. O carro eléctrico não tem embraiagem, não obriga a ponto de embraiagem, é mais suave no arranque e nas travagens. Guia-se quase com apenas um pedal. É tão melhor, mesmo comparando com os melhores carros com mudanças automáticas. Mas porque tem mais tecnologia também protege mais as pessoas e os condutores. Praticamente qualquer carro elétrico, independentemente da gama, vem hoje equipado com sistemas de deteção de colisão.

Um carro elétrico é assim mais simples do que um carro normal, oferecendo à camada mais senior uma nova perspectiva de mobilidade. Com o advento da condução autónoma, os carros elétricos serão uma ajuda preciosa no reganhar da autonomia da mobilidade para que sejamos mais inclusos dessa camada populacional.